BIOGRAFIA INSTITUCIONAL

Published: 4 anos ago

O surgimento dos Bancos Múltiplos

Tendo em vista a importância dos bancos na economia do país, o Conselho Monetário Nacional, por meio da Resolução nº 1.524/87, implementada em 1988, permitiu que os intermediários financeiros se transformassem em bancos múltiplos, uma nova figura jurídica que englobou atividades até então segmentadas por instituições financeiras, provocando grande mudança na estrutura das agências bancárias, que passaram a oferecer maior diversidade de produtos financeiros.

Os Bancos Múltiplos têm funções de grande importância no desenvolvimento econômico do país. Auxiliam indiretamente ao Banco Central, na oferta de moeda além de dinamizar a economia criando oportunidades de concessão de crédito às pessoas físicas e jurídicas que necessitam de captação de recursos.

De acordo com a definição do Banco Central do Brasil, o banco múltiplo é uma instituição financeira privada ou pública que realiza as operações ativas, passivas e acessórias das diversas instituições financeiras.

Essas operações estão sujeitas às mesmas normas legais e regulamentares aplicáveis a qualquer instituição financeira.
Para as instituições não bancárias, a transformação em banco múltiplo tornou possível o acesso direto ao mercado interbancário e ao redesconto.

Um dos objetivos do governo foi a liberalização do sistema financeiro.
A possibilidade de criação de bancos múltiplos abriu o mercado à entrada de novos concorrentes.

Have a Comment?

Some HTML is OK